Publicado por: solventeuniversal | 3 de outubro de 2010

Vida de qualidade: um complexo de conceitos


Em poucas décadas passos revolucionários foram dados, tanto anterógrados quanto retrógrados. A ciência, como um todo, inovou. Mas inovar nem sempre é evoluir. A industrialização, urbanização e os avanços tecnológicos foram determinantes na evolução humana, afinal trouxeram facilidades, praticidades e rapidez através dos produtos que são lançados no mercado. Contudo, foi deixado um pouco de lado o equilíbrio com o ambiente, com a natureza, e com o bem estar das pessoas. O que se vê hoje são pessoas estressadas, cercadas pelas mais diversas poluições, constantemente preocupadas com os mais diversos aspectos tanto sociais quanto econômicos, e que buscam, de forma incessante, a qualidade de vida.

Uma verdadedeira rede composta por diversos setores. Isso gera a qualidade de vida.

 

O que é afinal qualidade de vida? É um termo abrangente, composto de uma série de aspectos sociais, culturais, econômicos, ambientais, psicológicos etc. Uma pessoa com uma boa situação financeira não tem, necessariamente, uma boa qualidade de vida, assim como uma pessoa socialmente pressionada, sem direito a expressão ou à escolha, também não. Como vivemos em uma sociedade em constante aproximação global, a ação de um grupo de indivíduos afeta enormemente o outro grupo, e assim por diante. É uma verdadeira rede de inter-relações. Só tendo consciência disso conseguimos compreender o porquê do termo “qualidade de vida” ser tão complexo. Não se trata de apenas um fator necessário para a sobrevivência de um ser, mas de um conjunto de fatores necessários para a vida feliz, saudável e harmônica dele. 

Amy Winehouse em um de seus ''escândalos''. Fortuna nem sempre significa qualidade de vida, não acham?


Responses

  1. Concordo plenamente. Vivemos num mundo consumista, onde ditam as regras de como devemos ser, o que devemos ter, usar e até como se alimentar. Não pensar criticamente sobre esses modismos pode nos custar muito caro no futuro.

  2. Com certeza, Rogério. Muito obrigado pela contribuição e esperamos que volte sempre!

  3. bah galera, legal o blog de vcs, vou continuar acessando😉 texto super cabeça, apesar de, na maioria das vezes optarmos pelo mais comodo e facil, sem nos importarmos com as possiveis consequencias, não é?
    sucesso com o blog de vcs!

  4. É verdade, Bárbara. Muitas vezes o cômodo e fácil é visto como o melhor, mas depois de um tempo percebemos que não é bem assim, né?
    Muito obrigado e continue acessando!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: